life transitions: rejeitado pela idade
life transitions: rejeitado pela idade

FUI REJEITADO PELA IDADE?

Eu não tenho elementos para avaliar ou para comentar qualquer situação em particular.

Contudo, tenho uma carreira longa como selecionador de profissionais de alta qualificação e posso comentar, de forma geral, os critérios que sempre apliquei no meu trabalho, e que particularmente afetam os profissionais amadurecidos, com mais de 50 anos de idade.

É muito comum constatar que pessoas amadurecidas, comportam-se nas entrevistas como o motorista que, ao invés de olhar pelo para-brisa para a estrada à frente, dirige olhando para o espelho retrovisor.

Talvez seja essa uma característica decorrente da idade.

Apegam-se ao passado e às suas realizações e demonstram que atendem a todos os requisitos do cargo, porque já fizeram algo similar, com sucesso, um dia na vida.

Hardskills X Softskills

Não há dúvida de que um passado de realizações é uma pista indicativa do que se pode esperar dessa pessoa no futuro.

Com sua argumentação, contudo, demonstram o domínio dos, assim chamados, hardskills¸ ou seja, o domínio de técnicas e de saber como fazer.

Mas, o selecionador está mais interessado nos softskills, ou seja, na atitude correta que fará com que o profissional seja adequado para a estrada que terá pela frente.

Isso porque na dinâmica do mundo atual, muito provavelmente grande parte dos hardskills já foram ultrapassados, ou em breve o serão.

O passado é um indício; mas a pergunta real é: será esse profissional adequado para o futuro que se desenha à nossa frente?

Os softskills fazem com que o indivíduo tenha a humildade de aceitar a Douta Ignorância (a única coisa que eu sei é que eu não sei nada) e adote a atitude de um aprendiz ao invés de um conhecedor.

Abrir-se ao mundo e tentar acompanhar a velocidade alucinante das mudanças.

Demonstrar que está acompanhando os assuntos do momento, como Big Data, IoT, IA, Computador Biológico, ou Computador de DNA. S&OP, PMI, PMBoK, PMP, LEED GA etc.

Em resumo, para conquistar o emprego, qualquer que seja sua idade, o profissional de hoje deve demonstrar que será capaz de se reinventar a cada 3 a 5 anos.

Você sabe como estar aberto à mudanças e se reinventar? Conhece o Coaching Inegrativo?

Ewaldo Endler

Sócio da Next Steps e da Lifetransitions. Começou como executive search em 1972 e desde então tem desenvolvido uma larga experiência em várias organizações globais. É Coach em transições profissionais: A Conquista do Emprego, Planejamento de Carreira, A Recolocação Profissional, Preparação para Aposentadoria, Onboarding Executivo, Assessor na elaboração do currículo e em networking.

Deixe um comentário